Copa de 2022 deve ter prioridade diante de Jogos de Inverno

Umberto Gandini diz que Fifa não tem que se preocupar com as Olimpíadas para tirar o Mundial do Catar do verão


Por: Globoesporte.com Em 08 de outubro, 2014 - 18h10 - Copa do Mundo

A questão de uma possível mudança de calendário para a Copa do Mundo de 2022, na Catar, respinga até nos Jogos Olímpicos de Inverno. Ao comentar sobre a possibilidade de tirar o Mundial do verão do Oriente Médio, o vice-presidente da Associação de Clubes Europeus, Umberto Gandini, disse que um possível encontro de datas com as Olimpíadas de Inverno não deve pautar a Fifa na decisão.

- Não quero ser polêmico, mas a Copa do Mundo é um dos eventos mais importantes no cenário esportivo, ao lado dos Jogos Olímpicos. Os Jogos Olímpicos de Inverno, com todo o respeito, não estão lá em cima - afirmou Gandini, segundo a "Reuters", aos delegados da reunião de cúpula líderes do esporte, em Londres.

Em 2010, a Fifa decidiu levar o Mundial de 2022 para o Qatar. Entretanto, o forte calor no país durante o verão virou uma preocupação tamanha que existe a possibilidade de transferir o torneio para o inverno – seja em novembro/dezembro ou janeiro/fevereiro, mesmo período em que acontecem os Jogos de Inverno. 

A entidade máxima do futebol mundial está estudando a mudança, mas teria que avaliar questões de calendário para não coincidir com outros eventos. Na avaliação de Gandini, a melhor solução, no caso de levar o Mundial para fevereiro, será trocar a data dos Jogos de Inverno, que ainda não escolheram uma sede (Almaty, no Cazaquistão, ou Pequim, na China, disputarão em 2015 o direito de receber o evento). 

- Quando você tem um evento tão grande como a Copa do Mundo, e você precisa mudá-lo de seu período no verão, não me diga que não é possível encontrar uma solução e mudar um pouco os Jogos Olímpicos de Inverno para que eles não se choquem, especialmente agora que os Jogos Olímpicos de Inverno ainda estão em processo de licitação e só há dois candidatos.