Mais Acessadas

Federação Sul Americana de Krav Maga abre turmas em Belém

O aumento dos registros de roubos na capital aumentou o interesse pela modalidade voltada para a defesa pessoal


Por: Redação ORM News Em 31 de janeiro, 2017 - 12h05 - Artes Marciais

Em função do aumento da violência urbana, cresce o número de que procuram formas de se defender da violência urbana, praticando Krav Maga. Homens e mulheres, de diferentes faixas etárias, tem aderido a técnica de defesa pessoal israelense, seja pela prática de atividade física, seja em função do aumento nos índices de violência.

Por esse motivo, a Federação Sul Americana de Krav Maga está aumentando o número de academias credenciadas para atender a essa crescente demanda em Belém. Novas turmas serão iniciadas em fevereiro, tanto no Centro de Treinamento de Krav Maga do Pará (Av. Comandante Braz de Aguiar, 821, Altos), quanto na Academia Lú (Rodovia Augusto Montenegro, 6955 - Parque Verde).

O método de defesa pessoal israelense foi criado por Imi Lichtenfeld para permitir a qualquer pessoa exercer o direito à vida. A técnica foi trazida ao Brasil, em 1990, pelo Mestre Kobi Lichtenstein, que começou a praticar o Krav Maga aos 3 anos, em Israel, com o criador desta modalidade.

O Krav Maga tem por objetivo proporcionar meios para que qualquer pessoa, independentemente do seu tipo físico, sexo, força ou tamanho, possa se defender de agressões de qualquer natureza.

Os golpes são curtos e rápidos e visam atingir os pontos sensíveis do corpo humano. Os exercícios são exequíveis por qualquer pessoa, em seu ritmo próprio, respeitando o limite de seu corpo. Ainda assim, há o estímulo para que os alunos se exercitem diariamente.

Serviço

Inscrições para turmas de Krav Maga

Local: Centro de Treinamento de Krav Maga do Pará - Av. Comandante Braz de Aguiar, 821-Altos (em cima da galeria)

Mais informações: (91) 99194-2090