Paraense assume Confederação de Basquete para Cadeirantes

Valdir Moura foi eleito o novo presidente da entidade com 30 votos


Por: Redação ORM News Em 20 de janeiro, 2017 - 19h31 - Basquete

Foto: Divulgação

O Pará já é uma potência dentro de quadra no Basquete em Cadeiras de Rodas, mas, a partir da quinta-feira (19), passou a integrar o comando da modalidade. Isto porque o paraense Valdir Moura foi eleito como o novo presidente da Confederação Brasileira do esporte, com 30 votos dos 53.

Ex-atleta e então treinador da ADFA (PA), Valdir Moura já tinha sido 1º e 2º tesoureiro da Confederação durante os mandatos de Naíse Pedrosa, última presidente da entidade. Para ele, essa eleição teve uma característica diferente das demais: o grande envolvimento dos atletas. 'Foi uma eleição muito disputada e com uma participação maciça dos atletas através das redes sociais. Fico muito feliz porque, além de ter sido um processo absolutamente democrático, mostra que a gestão de Naíse Pedrosa, com a qual contribuímos e a quem sou muito grato pelo apoio que nos deu, teve mais acertos do que erros. Nossa proposta é justamente de dar continuidade a esses acertos e inovar no que ainda precisa ser melhorado', observou

Na composição da chapa vencedora, “Tocando em Frente”, estão ainda Paulo César dos Santos, o Jatobá, que assume o cargo de vice-presidente; Kilber Alves, 1º tesoureiro; José Fernando da Silva, 2º tesoureiro; Alexandre Lourenço e Cristiane, representantes dos atletas; Rogério Pinheiro, representante dos técnicos; Paula Belian, representante dos árbitros, e Denise Ferreira, representante dos classificadores funcionais. 

A ex-presidente da CBBC Naíse Pedrosa destacou a composição da chapa vencedora. “Valdir participou desde o início de minha gestão e é uma figura de grande valor, além de Jatobá, Alexandre, Kilber e Fernando, esse que, embora fosse integrante do Conselho Fiscal durante a nossa gestão, sempre colaborou muito com suas orientações. Destaco ainda Rogério, representante dos técnicos, que vem realizando um trabalho muito sério na Aabane. Além disso, é uma chapa que apostou na representatividade feminina com três mulheres muito qualificadas nas suas áreas, que são Cristiane, Paula e Denise”, ressaltou.